Pesquisar este blog

Carregando...

quarta-feira, 28 de agosto de 2013



 Oi garotas apaixonadas hoje vou fazer uma homenagem as garotas!
mas as garotas, NERDS,ROQUEIRAS,FUNKEIRAS E NORMAIS.... S2



terça-feira, 27 de agosto de 2013

Era uma vez um menino que era amigo de ummonte de gente. Certo dia, aparece na vida dele uma menina que não era amiga de quase ningué, que gotava de dizer que qualidade era mais importante do que quantidade, mas que achou aquele menino fosse diguinodos tais poucos amigos que ela contava nos dedos da sua mão dereita.
Os dois se tornaram insepáraveis, e o menino percebeu que os momentos mais coloridos da vida dele eram passados ao lado dela. Ele começou a tervontade de passar mais e mais tempo com aquela menina e passu a fazer de tudo para queela notasse isso (gravou músicas, escreveu declarações de amor anônimas...), só que nada adianto.
Depois de reparar muito, ele descobriu que ela não percebia o amordele porque não era com ele que a menina queria ficar, mas sim com um outrocara, mais velho, que não tinha nada a ver com ela. O menino  ficou com muita raiva. Ele queria bater naquele cara, mas não queria que a menina descobrisse que ele sabia da paixão secreta dela.
O menino percebeu que tinha que esperar que a menina descobrissepoe ela mesma que o tal caa não prestava. Só que, nessa espera aparece uma outra manina na vida do menino e ele pensouque talvez elafazer com que ele se esquecesse da menina.
Quando a menina finalmente entendeu que aquela paixão dela não valia apena, o menino pulou de alegria, apesar de ter ficado trite pelo fato dela estar sofrendo. Acontece que, nessas altura, ele já estava com a outra menina e, como elaera muito ciumenta, não deixava que ele chegasse muito perto para consolar a menina, como ele gostaria.
Um belo dia ( diz-se dia, mas na verdade era noite), aconteceuum baile. O menino não queria  ir, mas a menina fez o menino sentir como seria importante para ela se le fosse... então ele foi, mas chegando lá percebeu duas coisas.
A primeira ele já sabia: que a menina com quem ele estava não merecia que ele passasse nem mais um segundo ao lado dela. E a segunda coisa - que ele também sabia, mas não tinha ideia de que era tanto- era que ele estava(sempre tinha sido) apaixonado por aquela menina, que era bem mais do que uma amiga aos olhos dele.
Ele concordou no dia seguinte àquela festa muito trite e chegou à conclusão de que deveria se afastardela a todo custo, não só porque ser apenas amigosera muito ruim, masporque, em pouco tempo, ela iria viajar para terras distantes, e já que ele teria que ficar sem ela mesmo , era melhor que se acostumasse logo  com essa idéia.
Só que, quanto mais elese distanciava, mais ela se aproximava. Ela não tinha ideia de como estava  sendo difícil para ele trata-lá com tanta indiferença. Mas mesmo assim elenão sucumbia e deu um jeito de ir para longe.
Mas caso não quis de jeito nenhum deixar que o menino seguisse o plano dele. A menina deu sinal de vida do lado de lá, e ele tremeu na base no lado de cá. Derreteu-se completamente , mas ainda assim tentou cumprir a resolução de só encontrá-lá no ultimo dia, para uma rápida despedida.
Só que ele não contava com uma surpresa. E que surpresa! A menina criou para ele um presente, em um formato de  embrulho quadradinho. Quando ele abriu, saíram chocolates, estrelas, corções, balas... todas as coisa deliciosas que ele sempre quis dela, mas que já tinha perdido a esperança de receber. O presente dela encheu a vida dele de melodia.
Ele passou a noite em claro, primeiro ouvindo todas aquelas músicas, repetidas vezes, sem cansar, sorrindo, para o teto, como se ele tivesse sido o premiado de um grande sorteio. E era assim que ele se sentia. Ganhar o amor daquela  menina era o melhor premio que ele poderia desejar.
Mas, de repente , o menino entristeceu-se.
Não era justo que ele fosse egoista ao ponto de querer viver aquela felicidade naquele momento,  naquele exato instante em que a menina estava indoconhecer outros mundos. Se ele já tinha esperado tento tempo.
Ele não queria que a menina fosse viajar triste, imaginando o que estaria deixando para tráz.
Ele queria só o bem dela.
Sendo assim, o menino bolou um plano. Ele ia fazer de conta de que não sabia de nada, porque quando ela descobrisse a verdade- por uma carta que ele ia entregar- ela já estaria distante e teria varia novidades que não deixariam que ela ficasse pensando nele.
Oo único porém é queele não aguentaria vê-la indo em bora. Então ele resolveu se despedir antes.Para que a imagem dela na cabeça dele ficasse sem pre aquela.
a menina linda que entrou na vida do menino para encher tudo de cor...
gostou quer ver o fim ! LEIA O LIVRO DA: PAULA PIMENTA ''FAZENDO MEU FILME'' 1.2.3.4 ENTRE OUTOS...

Postagens populares